A advocia vai acabar

image

Como foi a advocacia no Brasil?

E no Brasil, como foi? No Brasil, a advocacia começa a nascer após a defesa dos ideais de independência de Dom Pedro I, para que o país tivesse as suas próprias leis e desvinculando-se das Ordenações Filipinas.

Onde surgiu a advocacia?

Contudo, as origens históricas do surgimento formal da advocacia situam-se em Atenas, na Grécia. Posteriormente, em Roma, onde a nasce a técnica pela ciência jurídica como profissão individual e autônoma. E no Brasil, como foi?

Como organizar a sua advocacia?

Organize seu escritório, a gestão do seu tempo, controle suas finanças, tenha planejamento de todo o seu trabalho e de tudo o que precisa ser feito para que a sua advocacia se desenvolva de forma sadia. Foi-se a época do advogado que só sabia direito.

Por que a advocacia mudou?

A advocacia mudou, de modo que é sim possível fazer isso respeitando o Código de Ética da OAB e gerando valor na vida das pessoas. Posicione-se como especialista, faça parcerias para as áreas do direito que você não domina.

image


Sistema único para as ações judiciais

Não sei porque ainda não se colocou um ponto final nesse problema. Quando queremos protocolar uma ação, temos que encarar uma variedade de processos diferentes. Lidar com interfaces complexas e nada intuitivas.


Morte do cartão de visita

Logo que comecei a advogar, uma dos meus primeiros impulsos foi encomendar uma caixa de cartões de visita. Até hoje tenho essa caixa. Não entreguei nem 1/10 dela.


Montar petições com um clique

Acho que 9 de 10 petições que escrevo são muito similares. Quando temos uma especialidade e nos tornamos fiéis a elas, atraímos mais e mais ações com as mesmas situações e características, poucas variações.


Receber menos telefonemas de clientes

Devemos tudo que temos aos nossos clientes e, sim, eles devem ser mantidos informados de situações bem específicas sobre seus processos. O cliente só precisa entender que um advogado tem vários clientes e que é impossível manter um contato frequente. Caso contrário, perderemos tempo que poderia ser investido em defender a causa dele.


Reduzir ou acabar com os custos de um escritório físico

Ter um escritório é um dos desejos mais presentes entre os advogados. Nós sabemos que, tradicionalmente, ter um lugar bacana para receber os clientes era muito importante.


Audiências vão ser virtuais

Quem advoga, sabe como a audiência é um momento importante no processo. Porém, muitas vezes, algumas partes não podem se deslocar por razões justificáveis.


Nada de trabalhos repetitivos

Muitos amigos meus que foram trabalhar em escritórios saíram frustrados. No fundo, eles não faziam nada que um advogado faria. Acabaram lidando com trabalhos burocráticos e processo repetitivos, como simplesmente inserir dados em planilhas.


O que mudou a advocacia ao longo da história

A advocacia é conhecida como uma das profissões mais antigas da humanidade. Podemos encontrar nossas raízes em épocas remotas da história mundial, se considerarmos a essência da profissão, na qual se busca por meio da arte intelectual combater injustiças e afirmar direitos violados.


O que mudou na advocacia: 5 aspectos de destaque

A sociedade humana vive em constante transformação. Deste modo, é necessário que as profissões que ainda subsistem ao longo tempo se adequem a novas realidades de tempos e tempos.


A partir de o que mudou na advocacia, porque 2021 é o ano de fazer diferente?

As oportunidades para se fazer diferente na advocacia nunca foram tão próximas como neste ano de 2021. Se você leu esse artigo até aqui, eu já tenho a certeza de que você está na frente da grande maioria que ainda não entendeu que o conhecimento jamais deve ser subestimado e que sempre podemos ser melhores do que no passado.


Resumo da ópera

A advocacia mudou e o operador do direito tradicional ficou para trás. O novo mercado jurídico requer constante atualização e inovação para quem busca viver da advocacia.


Thiago Helton

Advogado (OAB 168703/MG). Bacharel em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais – PUC Minas. Especialista em Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência. Pós-graduado em Direito Constitucional. Pós-graduando em Advocacia Previdenciária. Presidente da Comissão de Defesa dos Direitos…

image

Leave a Comment