A bateria do celular acaba nesmo não usando

image

Por que a bateria do celular não se “vicia” como antigamente?

Apesar de ser uma longa história – quase mais antiga que a própria existência dos smartphones , a bateria do celular não se “vicia” como antigamente. Os fabricantes utilizam, atualmente, baterias com íons de lítio: isso significa que ela tem cargas parciais e não tem o chamado “efeito memória” das antecessoras.

O que é que não fazer para a bateria do celular durar mais?

“Esquentar” o celular no sol Pelo mesmo motivo de utilizá-lo enquanto carrega e usar USB do computador, deixar o celular exposto ao sol quando está muito calor aumenta a temperatura dele. 13. Tela: a maior ladra de bateria do smartphone

Como diminuir o consumo de bateria do celular?

No iPhone, vá em Configuração >> Geral >> Uso >> Uso da bateria. Já no Android, o caminho é Ajustes >> Administração da bateria >> Uso da bateria. 9. Se tem um Android, ative o modo de economizar energia

Por que a bateria do android acaba muito rápido?

Bateria do Android acabando muito rápido? A culpa pode ser de um aplicativo – TecMundo Bateria do Android acabando muito rápido? A culpa pode ser de um aplicativo Alguma vez você já notou que seu smartphone Android está agindo de forma estranha?

image


Porque a bateria do celular descarrega mesmo sem usar?

Um problema muito comum é a oxidação dos contatos da bateria. A oxidação causa mal contato, fazendo o celular desligar mesmo com a bateria com carga. Isso também pode levar a quedas bruscas na carga da bateria também. Neste caso, será preciso levar o aparelho a uma assistência técnica.


Que não acaba bateria?

Conhecido pelo nome Meridiist Infinite, o primeiro aparelho da marca tem um painel que recarrega através da energia solar e artificial, sem nunca precisar recorrer a uma tomada. Ou seja, ele tem “bateria infinita”. Como tudo que é bom, o Meridiist Infinite é para poucos. Exatamente 1.911 poucos.


Quando o celular está descarregando muito rápido?

Deixe seus aplicativos atualizados É simples de entender a razão para isso: apps atualizados contém correções para bugs e aprimoramentos de sistema – os quais podem trazer uma gestão mais eficiente de energia da bateria. Por isso, os apps em dia são uma receita quase certeira para você economizar aquela carga.


O que faz o celular vicia?

Evite deixar a bateria descarregar completamente Isso acontece porque as baterias dos celulares são feitas a partir de metais recarregáveis como os “íons de lítio”. Essa tecnologia pode garantir entre 200 a 500 ciclos de carregamento dependendo do modelo de bateria.


Tem algum problema usar o celular enquanto carrega?

Não há um risco iminente em mexer no celular enquanto ele carrega. Principalmente, se estiver fazendo uso de um cabo e um carregador original, ou seja, o que veio junto do aparelho, da fábrica, ou de uma marca que seja não só compatível com o seu smartphone, como também de boa qualidade.


Como resolver o problema de bateria acabando rápido?

Em primeiro lugar, é importante que você entenda que os aplicativos são atualizados constantemente e exigem cada vez mais dos aparelhos. Em outras palavras, um celular de dois ou três anos não terá a mesma performance que um aparelho novo.


Bateria acabando rápido? Saiba como preservá-la!

Como já diria o velho ditado, prevenir é melhor que remediar. Portanto, veja algumas dicas que te ajudarão a economizar energia do seu celular e evitar que você sofra com este problema.


Economize a bateria do celular fechando os aplicativos em segundo plano

Utilizamos diversos aplicativos para as mais variadas finalidades. Contudo, na maioria das vezes esses programas não são encerrados corretamente ao término de seu uso e continuam rodando em segundo plano. Ou seja, continuam consumindo a bateria dos smartphones mesmo quando você não está usando.


Conexões: Use apenas o necessário

Muitas vezes, a maioria por descuido, deixamos conexões — Wi-Fi, Bluetooth e GPS — ligadas sem necessidade. Além de consumir muitos dados de internet, essas funções também drenam bastante energia do aparelho, uma vez que ficam procurando por redes disponíveis sem que seja preciso.


Notificações: Quais as mais importantes?

Enxurradas de notificações de todos os tipos — e-mails, redes sociais, WhatsApp e atualizações — também fazem com que seu smartphone gaste bateria à toa.


Downloads automáticos

Fotos, vídeos, anexos de e-mail e atualizações mecânicas são outras atividades que detonam com a bateria de qualquer aparelho. Desative todos os downloads automáticos dos aplicativos que você utiliza com frequência. Além da bateria, esses arquivos consomem dados em excesso e entopem a memória de seu aparelho.


1. Tirar fotos com flash

Mesmo não sendo o maior usurpador de bateria que há, quando você usa o flash para tirar suas fotos, isso requer mais energia. Prefira a luz do dia – que também deixa seus cliques mais bonitos e naturais.


2. Carregar o celular no computador

Sim, a gente sabe que o cabo é aquele formato USB, feito perfeitamente para encaixar no computador. No entanto, além de carregar muito mais lentamente, a oscilação nas correntes entre as duas entradas pode causar um aquecimento da bateria e diminuir sua vida útil.


4. Deixar o brilho da tela no máximo

Quase todos os smartphones já vêm com a opção de “brilho automático”, mas isso não significa que ele se adequa perfeitamente aos ambientes e controle o uso da bateria para iluminar ou escurecer a tela. Então, o ideal é deixar manual e controlar você mesma para não deixar a bateria morrer.


5. Manter muitos apps abertos ao mesmo tempo

Há quem diga que, para os usuários de iOS (iPhone), essa falácia não altera no uso da bateria. Porém, para quem tem Android, os apps abertos em segundo plano consomem muita bateria para continuarem rodando.


6. Deixar a localização por GPS sempre ligada

Aplicativos de trânsito precisam da localização, mas, se você não os estiver usando, prefira deixar a localização desligada. Assim, você compartilha menos informações pessoais e também não gasta sua bateria.


7. Esquecer de atualizar seus aplicativos (e sistema operacional)

Requer um tempo e, para não comer toda sua internet, um Wi-Fi, só que ajuda a não arruinar a vida útil da bateria. Algumas atualizações têm correções que podem alterar o consumo da bateria – e, por consequência, reduzi-lo.


8. Ficar com o Bluetooth ligado o tempo todo

Bem como Wi-Fi e dados 3g e 4G, quando o celular fica buscando sinal, isso consome muita bateria. Se for viajar e não tiver sinal, deixe-o em Modo Avião para economizar.


Como economizar bateria do celular? 11 dicas que vão fazer a energia durar mais!

Quanto tempo dura a bateria do seu celular? A duração da energia no aparelho é um dos fatores que mais dão dor de cabeça para os usuários e também um dos principais critérios de escolha do modelo de smartphone.


1. Reduza o brilho da tela do celular

Como está o brilho da sua tela? Por mais tentador que possa ser deixar a tela sempre com brilho máximo, isso afeta muito a forma como o aparelho consome a bateria.


3. Desative a sincronização e atualização automática dos aplicativos

A sincronização automática da conta do Google e também de aplicativos como Facebook, Twitter, Gmail e Instagram também aumentam o consumo de energia – além de gastar mais o seu plano de dados.


4. Mantenha o modo de economia de energia ativado

Muitos aparelhos possuem modo de economia de energia, poupando a bateria de forma automática. Se esse for o caso do seu telefone, mantenha essa opção sempre ativada e deixe que o próprio dispositivo utilize recursos automatizados de como economizar bateria.


5. Observe a intensidade do sinal do telefone e coloque o aparelho em modo avião quando estiver sem sinal

Quando o sinal da sua operadora é fraco ou ausente, o aparelho gasta mais energia no processo de identificação da rede, seja para ligações ou para se conectar à internet.


6. Altere as configurações de notificação e ganhe mais tempo de bateria

As notificações do aparelho também consomem mais ou menos energia de acordo com a forma como estão configuradas. Quando o celular está apenas no modo de vibração, por exemplo, perde mais energia, embora seja mais discreto do que os sons.


7. Quando a bateria estiver muito baixa, apele para o modo avião

Quando estiver fora de casa ou longe de ambientes com tomada e a bateria do telefone estiver acabando, ative o modo avião e volte ao normal apenas se precisar enviar uma mensagem ou fazer uma ligação.


Quem é o culpado?

O responsável pela distribuição do DrainerBot é uma desenvolvedora chamada Tapcore, localizada na Holanda. Seu objetivo é ajudar desenvolvedores a capitalizar versões piratas de apps. A página da empresa não oferece nenhum meio para contato, tampouco respondeu aos tweets em busca de esclarecimentos.


Como saber se fui infectado?

Fora os sintomas notados naturalmente (como consumo de bateria, aquecimento exagerado e lentidão), você pode identificar o que está consumindo dados de forma suspeita no seu smartphone.


1. Ajuste o brilho da tela

A luminosidade da tela do seu aparelho tem um grande impacto sobre o consumo de bateria. Diminua o brilho e o mantenha o mais baixo possível, de uma maneira que ainda seja cômodo para se ler.


2. Desligue o modo vibração

Deixar o celular para vibrar juntamente com o toque sonoro ou quando está no modo silencioso consome muita bateria. É uma função útil para quem não quer que o celular toque. Mas se você não precisa disso, o melhor é desativar. Para isso, é preciso ir em Configurações e ajustes e, em seguida, em Som.


3. Reduza o tempo de bloqueio da tela

Boa parte da vida de uma bateria é consumida com o uso da tela de início. Assim, quanto menos tempo seu celular levar para escurecer a tela, mais ele economiza bateria.


6. Reduza as notificações

Será que você tem mesmo que saber na hora cada vez que alguém curte ou comenta um post seu no Facebook? Se achar que não é fundamental na sua vida, considere desativar as notificações de suas redes sociais.


Reinicie o aparelho

Essa é a ação mais simples e direta que você pode tentar – por isso ela é a primeira de nossa lista. Qualquer smartphone do mercado é dotado da capacidade de reinicialização de sistema e isso traz uma série de benefícios, como recuperação de sinal e serviço, baixa velocidade de internet e, claro, melhoria de bateria.


Deixe seus aplicativos atualizados

A maioria dos aplicativos baixados pela Play Store do Google oferece atualizações automáticas assim que elas tornam-se disponíveis. Entretanto, sempre tem aquele app teimoso que exige uma atenção mais humana e manual para se manter em dia.


Atualize o Android

Aqui, começamos a pegar um pouco mais pesado e trabalhar sem muita garantia, simplesmente porque as atualizações do sistema operacional do Google são extremamente irregulares.


Restauração completa do aparelho

Essa é a opção mais “arrasa-quarteirão” disponível, daí nós preferirmos deixá-la por último: ao fazer a restauração completa do seu aparelho – ou seja, devolvê-lo às configurações de fábrica -, você basicamente elimina todos os dados do smartphone, incluindo apps instalados, senhas e nomes de usuários salvos, sites favoritos, configurações de aplicativos armazenadas em cache… quando falamos “tudo”, nos referimos a literalmente “tudo”.

image

Leave a Comment