A cada pequena açao tem uma reação bob marlley

image

Qual o significado de Bob Marley?

Símbolo da música reggae, Bob Marley ficou muito conhecido por suas composições repletas de mensagens de paz, amor, liberdade e resistência, sempre falando também de problemas políticos e sociais.

Qual a mensagem de Bob Marley sobre o preconceito?

That until the basic human rights are equally guaranteed to all, without regard to race, dis a war Em War, Bob Marley denuncia o preconceito e passa uma mensagem de resistência, como fica bem evidente nestes trechos. 26. One good thing about music, when it hits you, you feel no pain

Qual a importância de Bob Marley para o reggae?

Além de ser um ícone do movimento rastafári, Bob Marley é responsável pela popularização do gênero reggae ao redor do mundo. Tem grande importância por também ter sido considerado a voz do povo pobre e oprimido de seu país. Em 1963, ele resolveu se juntar à banda de seus amigos, Wailing Wailers, que depois veio a se tornar Bob Marley & The Wailers.

image


Premissas da teoria triangular de Stemberg

Essa teoria parte da ideia de que o amor é criado a partir da interação de três componentes e que é o grau que cada um possui que determina o tipo de amor que vai experimentar. Esses três componentes a saber são:


5 fases da paixão

Segundo Mora (2007), a paixão é o estado de uma pessoa dominada por um sentimento vivo em relação à outra, a quem considera seu maior bem, com quem gostaria de estar unida para sempre e pela qual sacrificaria, se necessário, a sua própria vida.


As 5 fases do amor em casal

Como indicamos anteriormente, nos basearemos nas fases descritas pelo psicólogo Jed Diamond para explicar a jornada de um casal ao longo do seu amor. As 5 fases pelas quais um casal passa:


1. Paixão e encantamento

A atividade em ebulição dos hormônios dopamina, estrógeno, ocitocina e testosterona ativa as mesmas áreas cerebrais estimuladas durante o consumo de drogas ilícitas. Nessa fase, o outro é viciante e tudo o que o casal mais quer é ficar o tempo todo juntos.


2. Desilusão

O término da fase da paixão costuma coincidir com a perda da idealização. As pessoas passam a enxergar umas às outras como de fato são e ter uma visão mais realista do relacionamento.


3. Amor

O amor é a consequência natural da vontade de ficar juntos, típica do estado apaixonado somada ao afeto pelo par não mais idealizado. Não se trata mais de uma fase, mas de uma etapa alcançada em que os envolvidos se sentem mais tranquilos e seguros. O desejo de seguir adiante é bem forte e o vínculo e a intimidade de se tornam mais estreitos.


4. Conflitos e aprofundamento

Alguns desentendimentos já estão presentes na rotina do casal e a intimidade acaba revelando defeitos até então não vistos. É o momento de discutir as diferenças e de conversar bastante para alinhar ideias, valores e pensamentos distintos. Dependendo das divergências, mesmo havendo amor, é complicado continuar a relação.


5. Decisão de comprometimento

Os casais que conseguem chegar até aqui souberam driblar as diferenças e encontraram pontos em comum para guiar a relação. O comprometimento, nesse caso, nem sempre significa tomar a decisão de casar, morar junto ou ter um filho.


6. Rotina

Nessa fase o outro já deixou de ser novidade e a empolgação inicial acabou. Isso tem um lado positivo: se vivêssemos o tempo todo em estado de plenitude, como daríamos conta de trabalhar, estudar, criar filhos, se concentrar em outras coisas? A interação no sexo é boa, pois o casal sabe o jeito de se encaixar, o que funciona, o que excita o outro.


7. Maturidade emocional

É o ponto alto da relação em que o casal considera que nem tudo deve ser feito com o outro. Ambos entendem que é necessário e saudável que cada um tenha seu próprio espaço e que mantenham a individualidade.

image

Leave a Comment