A tetraciclina tem açao bacteriostatica em concentraçoes farmacologicas

Graduação em Farmácia e Bioquímica (Uninove, 2010) Ouça este artigo: As tetraciclinas pertencem a um grupo de antimicrobianos, que apresentam amplo espectro de ação, atuando sob bactérias gram-positivas e gram-negativas, aeróbias e anaeróbias, além de alguns protozoários e até mesmo fungos.

Full
Answer

Qual é a acção inibitória das tetraciclinas?

A sua acção inibitória é normalmente reversível. As células de mamíferos são menos susceptíveis ao efeito das tetraciclinas, dado que os seus ribossomas não possuem a subunidade 30S (que é exclusiva dos procariontes), no entanto estas podem ligar-se à subunidade 80S dos ribossomas eucariontes.

Qual é a função da tetraciclina?

O nome tetraciclina também é usado para denominar o sistema dos quatro anéis deste composto. A tetraciclina liga-se à subunidade 30S dos ribossomas microbianos. Este inibe a síntese proteica bloqueando a ligação de aminoacil-tRNA carregados à zona A do ribossoma. Assim, este previne a introdução de novos aminoácidos à cadeia polipeptídica nascente.

Quais são as funções orgânicas da tetraciclina e cefalosporina?

Redação 04/01/2019 (FAMERP 2019) Tetraciclina e cefalosporina são antibióticos clássicos, cujas fórmulas estruturais estão representadas a seguir. As duas estruturas têm em comum as funções orgânicas (A) fenol e ácido carboxílico.

Qual a densidade da tetraciclina?

Tem uma massa molar de 444,435 g / mol, um ponto de ebulição de 790,622ºC e uma densidade de 1,644. A família das tetraciclinas foi descoberta em 1945 por Benjamin Minge Duggar, e prescrita pela primeira vez em 1948.


Qual é a ação da tetraciclina?

O mecanismo de ação das tetraciclinas é bem estabelecido e há um consenso de que tetraciclinas se ligam a um sítio na subunidade 30S do ribossomo bacteriano impedindo a ligação do aminoacil-t-RNA no sítio A do ribossomo, a adição de aminoácidos e, consequentemente, impedindo a síntese protéica.


Quais fármacos apresentam o mesmo mecanismo de ação da tetraciclina?

Interações medicamentosas das tetraciclinas O mesmo ocorre com a fenitoína, a fenilbutazona e derivados.


Qual é o mecanismo de ação dos antibióticos?

Os antibióticos têm vários mecanismos de ação, como:Inibição da síntese da parede celular.Aumento da permeabilidade da parede celular.Interferência na síntese proteica e no metabolismo do ácido nucleico e outros processos metabólicos (p. ex., síntese de ácido fólico)


Quais os 5 principais mecanismos de ação dos antibióticos?

Existem cinco modos de ação principais:Inibição da síntese da parede celular. … Inibição da síntese proteica. … Inibição da síntese de ácidos nucleicos. … Destruição da membrana plasmática. … Inibição da síntese de folato.


Quais são os derivados da tetraciclina?

Deste modo, surgiram os seguintes derivados: • Demeclocilina (1957); • Rolitetraciclina (1958); • Metaciclina e Limeciclina (1961); • Doxiciclina (1962); • Minociclina e lauraciclina (1966).


Qual a diferença entre doxiciclina e tetraciclina?

A doxiciclina é um antibiótico da classe das tetraciclinas que age interferindo no metabolismo de bactérias, impedindo a sua proliferação. Este antibiótico pode ser usado para tratar doenças como febre tifóide, pneumonia, infecção urinária, sífilis, gonorréia ou clamídia, por exemplo.


O que significa mecanismo de ação?

Mecanismo de ação O mecanismo de ação é a interação química que uma determinada substância ativa exerce com o receptor produzindo uma resposta terapêutica.


Qual o mecanismo de ação dos antibióticos bactericidas e bacteriostáticos?

Bactericidas são aqueles capazes de matar ou lesar irreversivelmente as bactérias. Bacteriostáticos são os que inibem o crescimento e a reprodução bacteriana sem provocar sua morte imediata, sendo reversível o efeito, uma vez retirada a droga.


Qual é o mecanismo de ação da amoxicilina?

Mecanismo de ação Inibe a divisão celular e o crescimento, produz lise e elongação de bactérias sensíveis, em particular as que se dividem rapidamente, que são, em maior grau, a ação das penicilinas. Tem rápida ação bactericida e perfil de segurança de uma penicilina.


Quais são os mecanismos bacterianos de resistência aos antibióticos?

Os principais mecanismos de resistência bacteriana conhecidos são:produção de enzimas que destroem ou modificam a ação dos antibióticos;redução da permeabilidade da membrana externa;sistemas de efluxo hiperexpressos (excreção de substâncias tóxicas);alteração, bloqueio ou proteção do sítio alvo do antibiótico.


Qual é o mecanismo de ação dos aminoglicosídeos?

Qual o mecanismo de ação dos aminoglicosídeos? Os aminoglicosídeos são inibidores da síntese das proteínas e têm como local de ação a subunidade 30S do ribossoma bacteriano. A sua ligação a um determinado local do rRNA 16S da subunidade 30S do ribossoma reflete-se na tradução do mRNA.


Qual o mecanismo de ação dos antibióticos beta lactâmicos?

Mecanismo de ação dos antibióticos beta-lactâmicos Todos os antibióticos beta-lactâmicos possuem ação bactericida. Eles atuam por inibição da síntese da parede celular bacteriana, que é uma estrutura essencial da célula por manter a sua integridade, prevenindo-a da lise osmótica.


Terramicina Pomada Dermatológica, para o que é indicado e para o que serve?

Terramicina ® ( cloridrato de oxitetraciclina + sulfato de polimixina B) pomada tópica (uso local) é indicada para a profilaxia (prevenção) e tratamento tópico das infecções cutâneas (de pele) localizadas causadas por micro-organismos suscetíveis (sensíveis).


Como o Terramicina Pomada Dermatológica funciona?

A oxitetraciclina, um dos antibióticos (medicamento que combate infecções) presentes na Terramicina ®, é um inibidor da síntese proteica bacteriana, impedindo que as bactérias produzam proteínas que são a base do seu crescimento e reprodução, ou seja, incapacita a bactéria de crescer e se multiplicar.


Quais as contraindicações do Terramicina Pomada Dermatológica?

Terramicina ® não deve ser usada nos casos de hipersensibilidade (alergia) às tetraciclinas (classe de antibiótico de um dos antibióticos presentes na pomada), à polimixina B (nome do outro antibiótico presente na pomada) ou a qualquer um dos componentes da fórmula.


Como usar o Terramicina Pomada Dermatológica?

O medicamento deverá ser utilizado apenas para uso tópico (sobre a pele no local das lesões) e não deve ser utilizada em cavidades do corpo. Após limpeza cuidadosa das áreas afetadas, aplicar a pomada diretamente usando uma gaze esterilizada; repetir este procedimento duas ou três vezes ao dia.


Quais as reações adversas e os efeitos colaterais do Terramicina Pomada Dermatológica?

Terramicina ® pode produzir hipersensibilidade (reação alérgica) e dermatite de contato (reação alérgica da pele por contato). Caso ocorram, interrompa o uso do medicamento e avise ao médico responsável pelo tratamento.


Resultados de Eficácia

Um estudo comparou o uso de Cloridrato de Oxitetraciclina + Sulfato de Polimixina B aplicada 1 vez ao dia durante 5 dias em 4 semanas com o uso de azitromicina oral na dose de 20 mg/dia em esquemas de dose única, uma dose a cada 3 semanas e uma dose a cada 4 semanas no tratamento da ceratoconjuntivite causada por Clamydia trachomatis.


Características Farmacológicas

A oxitetraciclina é um antibiótico da família das tetraciclinas proveniente do metabolismo do Streptomyces rimosus. A oxitetraciclina é principalmente bacteriostática e exerce ação antimicrobiana por inibição da síntese proteica.


Histórico

Image
Foi em 1945 que Benjamin Duggar desenvolveu a clortetraciclina, o primeiro membro das tetraciclinas, sendo um produto natural da fermentação da bactéria do solo Streptomyces aureofaciens. Este marco despertou o interesse por pesquisadores, a fim de descobrir novas tetraciclinas com igual poder de ação. E…

See more on infoescola.com


Características

  • Em relação à estrutura química, possuem um núcleo tetracíclico, ou seja, composto por quatro anéis aromáticos, necessários para a ação farmacológica. Apresentam amplo espectro de ação, atuando contra vários tipos de micro-organismos. Possuem baixa toxicidade além de custo acessível, podendo ser administrada por via oral. Tais características tornaram seu uso de form…

See more on infoescola.com


Mecanismo de Ação

  • Atuam impedindo a ligação do RNA transportador (RNAt) ao complexo formado pelo RNA mensageiro (RNAm) e ribossomo, inibindo a introdução de aminoácidos e, consequentemente, a síntese de proteínas nos micro-organismos sensíveis ao fármaco. Possuem ação bacteriostática, por impedir o crescimento de determinadas bactérias, dificultando a proliferação e…

See more on infoescola.com


Indicação

  • Possuem indicação para diversas infecções, além de outras patologias, tais como: Helicobacter pylori; uretrite não gonocócica; brucelose; periodontites; cervicite porChlamydia trachomatis; cólera; riquetsioses; pneumonia; acne; rosácea. Indicados também na profilaxia da malária e meningite meningocócica. Estudos vêm sendo realizados para incentivar o emprego das tetraci…

See more on infoescola.com


Propriedades farmacológicas

  • A maioria dos fármacos pertencentes a esta classe podem ser administrados por via oral ou parenteral, como a oxitetraciclina, doxiciclina e minociclina. Podem sofrer interação com alimentos, principalmente com leite e derivados (por conterem cálcio), além de outros cátions divalentes como o magnésio e ferro, e trivalente como o alumínio. Atuam formando complexos i…

See more on infoescola.com


Efeitos Adversos

  • Incluem reações alérgicas, fotossensibilidade, pigmentação da pele e unhas (principalmente com o uso da minociclina) e hepatotoxicidade. Não são indicados para gestantes e crianças com menos de 8 anos de idade, devido sua afinidade pelo cálcio, podendo danificar ossos, dentes e unhas em formação. A doxiciclina e a minociclina são mais prescritas, justamente por apresent…

See more on infoescola.com

Leave a Comment