Como acabar com insônia na menopausa

image

A insônia na menopausa é relativamente comum e está relacionada com as alterações hormonais típicas desta fase. Dessa forma, a terapia de reposição hormonal sintética ou natural pode ser uma boa solução para vencer a insônia e outros sintomas comuns desta fase como ondas de calor, ansiedade e irritabilidade.

Full
Answer

Como Superar a menopausa?

A mudança nos hábitos é essencial para superar essa fase da menopausa da melhor forma, além de melhorar sua qualidade de vida. Se você quer emagrecer, se livrar das ondas de calor, do inchaço, dores de cabeça e intestino preso que te impedem de ter uma vida mais feliz e alegre consigo…

Como acabar com o calor na menopausa?

Conheça o livro 30 receitas para acabar com o calor na menopausa , e alivie todos os sintomas de forma natural e definitiva com o uso de alimentos fitoestrogênicos . O livro 30 receitas para acabar com o calor na menopausa ajuda a relatar todo o estrogênio, que inevitavelmente, é perdido nesse período.

Como vencer a insônia na menopausa?

A insônia na menopausa é relativamente comum e está relacionada com as alterações hormonais típicas desta fase. Dessa forma, a terapia de reposição hormonal sintética ou natural pode ser uma boa solução para vencer a insônia e outros sintomas comuns desta fase como ondas de calor, ansiedade e irritabilidade.

Por que a menopausa pode causar cansaço e sonolência excessiva?

Nem todas as mulheres associam o cansaço, insônia e sonolência excessiva com o real motivo: A menopausa. Por isso o consumo de remédios torna apenas momentânea a melhora. O que acontece com o seu corpo nesse período, é a redução do estrogênio e da progesterona, os conhecidos como hormônios femininos.

image


O que é bom tomar para insônia na menopausa?

Um bom remédio caseiro para combater a insônia na menopausa é tomar o chá de folhas de maracujá à noite, 30 a 60 minutos, antes de ir dormir pois ele possui passiflora, uma substância que tem propriedades sedativas que favorecem o sono.


Estou na menopausa e não consigo dormir?

A tendência à insônia aumenta na fase do climatério por causa do desequilíbrio hormonal e da queda na produção de estrogênios, que são hormônios associados com a regulação do sono da mulher. As ondas de calor e suores que acompanham o desequilíbrio hormonal também podem ocorrer à noite e perturbar o sono.


Porque na menopausa perdemos o sono?

Com a redução do estrogênio e da progesterona, os hormônios femininos, cai o efeito protetor respiratório hormonal, o que causa insônia, ronco, apneia e pernas inquietas.


Qual hormônio causa insônia?

Problemas hormonais Além disso, desequilíbrios na produção de melatonina, cortisol, TSH, T4 livre, adrenalina, noradrenalina e GH também têm relação com a ocorrência de insônia.


O que fazer para se livrar da insônia?

Praticar uma boa higiene do sono ajuda a vencer a insôniaEstabeleça uma rotina de sono – procure deitar e levantar sempre em um mesmo horário, todos os dias. … Evite aparelhos eletrônicos – ficar no celular, computador ou assistir televisão antes de dormir não é recomendado.More items…


Qual o melhor chá para menopausa?

Chá de folha de amoreira. A folha de amoreira tem vários compostos químicos que ajudam a regular os hormônios femininos. … Chá de aquileia, alquemila e sálvia. … Chá de hipericão. … Chá de erva-de-são-cristóvão. … Chá de Ginseng. … Chá de Trevo-vermelho. … Sobre Angela Federau.


Qual o suco que é bom para menopausa?

Tomar 1 copo de suco de laranja batido com 1 molho de agrião e depois acrescentar a linhaça moída e. Acrescentar 1 colher de sopa de linhaça moída num pote de iogurte ou numa taça de cereais com leite, por exemplo.


Qual o melhor antidepressivo para quem está na menopausa?

Outras drogas como Cloridrato de Venlafaxina, Desvenlafaxina e Citalopram, Encitalopram, Fluoxetina e Sertralina também são efetivas. Estima-se que esses antidepressivos sejam capazes de reduzir os sintomas vasomotores em até 70%.


Como repor os hormônios femininos de forma natural?

As mulheres vêm optando por uma reposição hormonal natural através de alimentos fitoterápicos conhecidos como fitoestrógenos. Os fitohormônios são encontrados em diversas plantas (folhas, frutos, raízes e sementes), como: o alcaçuz, a linhaça, inhame, sementes de linhaça, mas a fonte mais conhecida é a soja.


Como estimular o hormônio do sono?

Entre os principais hábitos para produzir melatonina estão: Ter uma rotina para dormir: é essencial regular um horário para dormir e acordar todos os dias e manter uma boa média de horas dormidas. Praticar exercícios: se exercitar de forma regular mantém a saúde do ciclo circadiano.


Como produzir o hormônio do sono?

Os alimentos ricos em melatonina que vão melhorar a qualidade do seu sonoCasca da uva é fonte de melatonina. … Banana estimula a produção de melatonina. … Aspargos são fontes de vitamina C e ácido fólico, que auxiliam na absorção de triptofano. … Abacaxi é uma fruta cítrica importante para a secreção de serotonina e melatonina.More items…


Qual hormônio melhora o sono?

A melatonina é o hormônio regulador do sono secretado pelo nosso corpo. De forma mais específica, ele é produzido em uma glândula na parte central do cérebro. A substância tem como efeito promover a manutenção do nosso sono, apresentando níveis mais altos durante à noite.


Quais são os sintomas mais graves da menopausa?

Os principais sintomas da menopausa são:Dificuldade para dormir ou insônia. … Alterações de humor. … Secura vaginal. … Diminuição do desejo sexual. … Incontinência urinária. … Memória fraca. … Pele seca. … Aumento de peso corporal.More items…•


Qual o melhor antidepressivo para quem está na menopausa?

Outras drogas como Cloridrato de Venlafaxina, Desvenlafaxina e Citalopram, Encitalopram, Fluoxetina e Sertralina também são efetivas. Estima-se que esses antidepressivos sejam capazes de reduzir os sintomas vasomotores em até 70%.


Como fica o sono na menopausa?

SONO E MENOPAUSA Dentre todos os sintomas da menopausa, as queixas de sono estão entre as mais comuns. Estima-se que até 63% das mulheres apresentem alguma queixa de sono após esta fase. Entre as queixas e sintomas mais comuns estão a insônia e a apneia do sono.


Quanto tempo leva para passar os sintomas da menopausa?

Uma vez na menopausa (quando você não teve uma menstruação por 12 meses) e na pós-menopausa, os sintomas podem continuar por uma média de quatro a cinco anos, mas eles diminuem em frequência e intensidade. Algumas pessoas relatam que seus sintomas duram mais do que isso.


O que é insônia?

Insônia significa não ter um sono adequado e sua incidência é muito grande. Assim, esse problema pode afetar de 5% a 50% da população, dependendo da região. No Brasil, de acordo com pesquisas, mais de 11 milhões de pessoas, ou seja, 7,6% da população, usam medicamentos para dormir.


Por que precisamos dormir bem?

Basicamente, o sono é o momento no qual o corpo para e se regenera. Portanto, sofrer com a insônia traz inúmeros prejuízos para a saúde feminina. Sendo assim, o sono adequado é extremamente importante para:


INSÔNIA E MENOPAUSA

Insônia é o nome dado à dificuldade de conseguir dormir ou se manter dormindo, como é o caso de pessoas que acordam a todo momento e não conseguem manter o fluxo do sono. A insônia faz com que as pessoas se sintam frequentemente irritadas, ansiosas, dispersas, cansadas, podendo até mesmo desencadear a depressão.


Insônia na menopausa: Porque isso acontece?

A qualidade do sono das mulheres durante a menopausa é afetada em razão das alterações hormonais, típicas deste período. Nesta fase a produção de estrogênio e progesterona, hormônios predominantemente femininos, vão diminuindo, o que causa a insônia e diversos outros sintomas.


Distúrbios do sono

A insônia na menopausa pode acabar desencadeando uma série de problemas, conhecidos como distúrbios do sono, são eles: ronco, apneia, síndrome das pernas inquietas, entre outros.


Como dormir melhor durante a menopausa?

Além da terapia de reposição hormonal, que é indicada para amenizar os sintomas da menopausa, como a insônia, há também uma série de tratamentos alternativos e naturais.


Alimentos para insônia na menopausa

Além de seguir as dicas que falamos acima, você também pode apostar em métodos naturais para se livrar da insônia menopausa, como é o caso de criar uma dieta com base em alimentos que irão amenizar os sintomas de insônia e fazer com que você durma melhor durante a menopausa.


Conclusão

Para que você consiga acabar com a insônia na menopausa, é importante que você tenha hábitos saudáveis e faça mudanças em sua vida: seja na alimentação ou no seu estilo de vida – se for em ambos, melhor.


Perimenopausa – Sintomas da Insônia

A perimenopausa pode começar até 10 anos antes da menopausa, mas, para a maioria das mulheres, os sinais e sintomas mais visíveis não se mostram até cinco anos antes da menopausa surgir completamente. A gravidade e a duração da menopausa de uma mulher podem, muitas vezes, ser ditados pela hereditariedade.


Insônia pré-menopausa

Durante os picos hormonais comuns na menopausa, todos os sintomas de ansiedade, os fogachos – o calor intenso sentido do pescoço para cima – e a irritabilidade tornam-se mais intensos, assim como os sintomas de insônia crônica.


Insônia pós-menopausa

A insônia não termina durante a pós-menopausa. De fato, esse distúrbio sintomático do sono pode se tornar um dos mais graves em uma mulher na pós-menopausa. As estatísticas demonstram que mais mulheres na menopausa passaram a desenvolver distúrbios do sono, incluindo síndrome das pernas inquietas e apneia do sono.


Tratamento da insônia relacionada à menopausa

Em muitos casos, seu médico pode optar por tratar o que ele considera a principal fonte de insônia: a menopausa. A terapia de reposição hormonal mostrou-se uma boa solução para aliviar drasticamente alguns sintomas da menopausa, que por sua vez aliviam a insônia.


Por que o inchaço na menopausa acontece?

Para várias mulheres, o inchaço já incomoda desde muito antes da menopausa. Em anos anteriores, durante o período pré-menstrual, elas já sofrem com a sensação de inchaço. Na maioria dos casos, essas mulheres serão as que passarão por isso durante a menopausa.


Quais as causas e consequências?

É importante compreendermos que existem diversos fatores que contribuem com o inchaço. Desse modo, é necessária a devida investigação médica para averiguar a causa principal.


Cuidados para o inchaço na menopausa

Um dos tratamentos mais usados para o inchaço na menopausa, bem como para os seus demais sintomas, é a reposição hormonal. Com orientação médica, essa modalidade de tratamento procura reequilibrar os hormônios que o corpo já produzia naturalmente.


O que é CISTITE e qual a sua causa?

A cistite nada mais é do que uma infecção da bexiga causada por bactérias. Tal problema de saúde tem incidência elevada. Sendo assim, 40% das mulheres apresentam cistite 1x na vida. Além disso, 25% têm cistite de forma recorrente, ou seja, várias vezes.


Prejuízos da cistite na menopausa para a sua saúde

Como acabamos de ver, a menopausa cria condições que favorecem a ocorrência de cistites. Portanto, existem tanto prejuízos imediatos, quanto tardios para a saúde da mulher.


Como se prevenir da cistite na menopausa SEM HORMÔNIOS

Apesar de a cistite na menopausa ser facilitada pelo declínio hormonal, existem estratégias que podem ser adotadas. Por isso, mesmo sem a terapia de reposição hormonal você pode obter auxílio para combater esse grande e desconfortável problema.


Conclusão

Resumindo, a falta de estrogênio impacta negativamente o sistema urogenital feminino. Com isso, ficamos mais suscetíveis a complicações como a cistite. Tal problema afeta a vida pessoal e o relacionamento com o parceiro. Além disso, traz malefícios para a saúde como um todo, isto é, tanto física quanto psicológica.

image

Leave a Comment