Como e que e a açao do dipel

image

DIPEL é um inseticida biológico que atua por ingestão, causando ruptura na membrana do sistema digestivo (mesêntero) das larvas (lagartas) de lepidópteros. Após a ingestão de DIPEL, as larvas cessam a atividade de alimentação em algumas horas, interrompendo os danos na cultura.

Full
Answer


Como usar o inseticida dipel?

DIPEL WG pode ser aplicado em pulverização via terrestre ou aérea. APLICAÇÃO TERRESTRE: Utilizar pulverizadores com turbo atomizador ou pistola, costal manual, motorizados ou tratorizado, munido de bicos adequados, mantendo sempre o sistema de agitação do pulverizador em funcionamento durante a aplicação.


Qual a dosagem do Dipel?

Em geral, recomenda-se aplicar entre 150 a 400 L/ha em culturas anuais e entre 400 a 2500 L/ha em culturas perenes e semiperenes. O sistema de agitação do produto no interior do tanque deve ser mantido em funcionamento durante toda a aplicação.


Para que serve o veneno dipel?

INSTRUÇÕES DE USO: DIPEL é um inseticida biológico, aplicado nas culturas em pulverização, utilizando equipamentos convencionais de aplicação e quantidade suficiente de água, a fim de dar uma boa cobertura e proteger o cultivo adequadamente. CULTURAS/PRAGAS/DOSES: Vide item “Indicações de uso”.


Para que serve o BAC Control?

BAC CONTROL WP é um inseticida microbiológico, indicado para aplicação foliar para o controle das pragas descritas no quadro abaixo.


Para que serve o Boveril?

O inseticida microbiológico Boveril WP PL63 é um fungo entomopatogênico, que atua sobre diferentes estágios de desenvolvimento dos hospedeiros, como larvas, pupas e adulto. A infecção ocorre normalmente via tegumento, onde o fungo coloniza totalmente o inseto decorridas 72 horas, levando-o à morte.


O que é lagarta do cartucho?

Conhecida popularmente como lagarta do cartucho a Spodoptera frugiperda é uma das principais pragas da cultura do milho. A lagarta é um inseto polífago, capaz de se alimentar de diversos tipos de plantas e apresenta enorme potencial de dano. Nos últimos anos, a incidência desta lagarta tem crescido substancialmente.


Como usar o Fitoneem?

MODO DE APLICAÇÃO: Indicado para aplicação em pulverização diluído em água. Agitar a embalagem do produto antes do preparo da calda. O produto deve ser utilizado na forma de pulverização via terrestre. PREPARO DA CALDA: Adicionar o produto ao pulverizador, juntamente com água limpa.


INÍCIO, NÚMERO, ÉPOCA E INTERVALO DE APLICAÇÃO

2
fPara uma maior eficiência no controle de pragas, deve-se sincronizar a aplicação de
DIPEL com o momento de máxima atividade dos estágios larvais, o qual se determina
com uma contagem ou avaliação de pragas, a fim de se detectar a tempo as principais
infestações no cultivo.
As aplicações de DIPEL devem ser repetidas em intervalos suficientes, que permitam um
controle adequado, dependendo do crescimento do cultivo, chuvas e postura de ovos..


INFORMAÇÕES SOBRE MANEJO DE RESISTÊNCIA

4
fQualquer agente de controle de inseto pode ficar menos efetivo ao longo do tempo se o
inseto-alvo desenvolver algum mecanismo de resistência.


Antes de usar o produto, leia com atenção as instruções

Precauções Gerais:
– Produto para uso exclusivamente agrícola.
– Ao abrir a embalagem, faça de maneira a evitar derrames.
– Não coma, não beba e não fume durante o manuseio do produto.
– Não desentupa bicos, orifícios e válvulas com a boca.
– Não distribua o produto com as mãos desprotegidas.
– Não utilize equipamentos com vazamentos.
– Não transporte o produto juntamente com alimentos, medicamentos, rações, animais e
pessoas.
– Não utilize equipamentos de proteção individual (EPI) danificados.
– Quando for descartar as embalagens, use luvas e botas de borracha..


Precauções após a Aplicação

5
f- Mantenha o restante do produto em sua embalagem original, adequadamente
fechado, em local trancado, longe do alcance de crianças e animais.
– Tome banho, troque e lave as suas roupas, separado das roupas domésticas.


Mecanismo de Ação, Absorção e Excreção para o Ser Humano

6
fTestes realizados em animais de laboratório mostram que o Bacillus thuringiensis é
absorvido e os esporos são rapidamente eliminados da corrente sanguínea dentro de um
período máximo de 10 semanas. O produto não se acumula nos órgãos e nos tecidos.

image

Leave a Comment